compartilhe>

Esse é um Dia das Mães totalmente diferente de qualquer outro em nossa história de vida. Em vez do almoço de domingo, do churrasco em família com todos juntos, estamos distantes, no isolamento social por conta do coronavírus. 

Muitos de nós, filhos e filhas, temos que nos manter à distância porque nosso trabalho se tornou mais arriscado pelas chances de contágio nesses tempos de pandemia, ainda mais se temos mães do grupo de risco ou idosas. Isso sem contar que alguns de nós já perderam as próprias mães para a COVID-19, deixando esse dia triste. 

Temos nossas guerreiras do sistema prisional, muitas trabalhando longe dos filhos e filhas, que quando voltam do serviço têm hoje cuidados redobrados para não trazer o coronavírus para os que estão em casa. 

Mais do que nunca, o momento é exatamente de demonstrar amor mantendo distância, com cuidados redobrados consigo mesmo no dia a dia, num autocuidado que também é cuidar dos outros, de todos que amamos em nossas famílias. Se amo minha mãe, tenho que me cuidar para também protegê-la.  

Neste domingo, vamos demonstrar nosso amor nos cuidando, mantendo distância para cuidarmos de nossas mães, mandando mensagens de carinho, conversando por telefone. A saudade aperta, mas, como nossas próprias mães nos ensinaram e nos ensinam, cuidar é amar e tudo isso vai passar. 

Feliz Dia das Mães! 

Fábio Jabá
Presidente - SIFUSPESP