compartilhe>

 

Servidores públicos realizarão Ato em defesa do Instituto de Assistência Médica do Servidor Público(IAMSPE) no dia 22 de março. A resolução foi tomada pela Comissão Consultiva Mista(CCM) do Instituto de Assistência Médica do Servidor Público(IAMSPE) em reunião desta quinta-feira (22/02), devido denúncia do Ministério Público de improbidade administrativa contra Latif Abrão Júnior.

 

Segundo o representante da CCM do Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo(SIFUSPESP), diretor de saúde Luis da Silva Filho, o Danone, os trabalhadores exigem o afastamento imediato do superintendente da instituição, Latif Abrão Junior, que continua ativo, apesar da resolução judicial.

 

Conforme noticiou o “Estado de São Paulo” no dia início do mês de fevereiro, o  Ministério Público de São Paulo requereu ao Poder Judicial, o afastamento do superintendente do IAMSPE por improbidade administrativa, o mesmo ajuizado pela promotora Dora Martin Strilicherk em novembro do ano passado, tendo em vista o contrato com a empresa Qualiform considerado irregular.

Leia a matéria:

<http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/ministerio-publico-de-sao-paulo-pede-afastamento-de-superintendente-do-iamspe/>

 

A CCM também batalha pela instauração de uma Comissão de Inquérito Parlamentar(CPI) dentro da autarquia - existe um pedido de mais de 95 entidades com integrantes de todas as categorias. O diretor de saúde Danone, está presente na luta para que o Ministério Público realize uma investigação de possível corrupção dentro da autarquia estadual, da qual dependem os trabalhadores penitenciários e que tem falhado na assistência médica dos mesmos.