compartilhe>

O Sindicato dos Funcionários do Sistema Prisional do Estado de São Paulo (SIFUSPESP) realizou nesta quarta-feira (07/02), visita à Penitenciária e ao Centro de Detenção Provisória de Capela do Alto, dando sequência ao “Projeto Diálogo com a Base” que objetiva aproximar o sindicato da categoria estando presente nas unidades prisionais de todo Estado. Capela do Alto recebeu Fábio César Ferreira, o Jabá, presidente do sindicato, José Ricardo Mesiano, secretário geral e Leandro Silva, coordenador da regional de Itapetininga.

O sindicato pretende com suas visitas estar perto dos trabalhadores, ouvindo suas necessidades e colhendo sugestões para possíveis melhorias conforme a realidade de cada um deles. Para Fábio Jabá, é imprescindível que a categoria esteja próxima e unida não apenas para o fortalecimento e construção do sindicato, mas principalmente para conseguir conquistar efetivamente os direitos do servidor e melhorar suas condições de vida e de trabalho, a idéia de direitos e suas conquistas começam pelos problemas e soluções nos locais de trabalho.

“Falamos também sobre a nossa campanha salarial e os avanços que tivemos na Assembleia Legislativa no Estado de São Paulo e os pedidos de emendas que fizemos junto aos deputados para que o vergonhoso percentual de 3,5% de reajuste salarial possa ser corrigido conforme o cálculo do Índice de Preços do Consumidor”, afirmou o presidente do sindicato.

Jabá informou que a mensagem que o SIFUSPESP leva aos funcionários prisionais é da união e organização da luta pelo reajuste salarial: “Precisamos que todos os trabalhadores pressionem os deputados, precisamos de um discurso unificado, precisamos da adesão à busca da conquista de nossos direitos”, disse.

Fábio Jabá também lembrou que continua convocando a categoria para a Assembleia Geral que acontecerá em março.

O sindicato somos todos nós, unidos e organizados!